Pedro Alegria (Tubafrom)

Pedro Alegria (Tubafrom)

Pedro Alegria

Pedro Alegria

Pedro Alegria

O seu percurso artístico procura a conciliação, centra-se no desenho como elemento central e como ferramenta conceptual tanto para a escultura como para a pintura. Procura o desenho, como trabalho autónomo ou como instrumento de construção mental de obras noutras volumetrias ou suportes. Considera a escultura e a pintura como consequência directa do desenho como ferramenta mental. As obras que produz distribuem-se por estes três campos: desenho, pintura e escultura. O desenho do corpo é central no seu trabalho. Seja escultura ou desenho abstracto, ou ainda desenho algorítmico por computador, o corpo está sempre presente como centro do universo mental.
Outro lado importante do seu percurso artístico é o desenho em cadernos, nomeadamente relacionado com o contexto urbano, contexto social e principalmente como ferramenta mental. Como diria Leonardo «Dissegnare é una cosa mentale», ou seja, é o registo e fixação do processo mental. Nessa linha o uso de cadernos é suporte para a fixação do processo mental no momento em que este se desenrola, funcionando assim como uma extensão da memória pessoal, uma espécie de drive externo para futura referencia.
Nesse âmbito é administrador dos Urban Sketchers Portugal Norte (USkPN), e responsável pela equipe local que organizou o USKPorto2018 International Symposium em que participaram mais de 800 desenhadores em cadernos de 46 nacionalidades diferentes de todo o mundo.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s